Raças

Escolhendo um Cairn Terrier

Escolhendo um Cairn Terrier

Como a raça que acompanhou Dorothy à Terra de Oz, o monte de pedras é um cãozinho perfeito para a família. Esta raça é curiosa e divertida, sempre pronta para se divertir, mesmo que isso inclua o combate a bruxas e macacos voadores assustadores.

História e Origem

Os artistas retratam cães que se assemelham ao monte de pedras desde o século XV. No final da década de 1700, as Highlands da Escócia, incluindo a Ilha de Skye, transbordavam com pequenos terriers originalmente conhecidos pelo termo genérico "cabelo curto" ou "pequenos terrier Skye". No final do século XIX, foi decidido separar esses terriers escoceses e desenvolver linhagens puras e raças específicas. Originalmente, as raças eram separadas em duas categorias - terrier Dandie Dinmont e terrier Skye. Eventualmente, os terrier Skye, que se pensa serem originários da ilha de Skye, foram divididos em terrier escocês, terrier branco de West Highland e terrier de monte de pedras.

Um monte de pedras é uma pilha de pedras que significam um marco ou memorial. Os vermes se escondiam nesses montes de pedras e os terriers os expulsavam prontamente. Em 1912, o cairn terrier recebeu um nome oficial com base em sua excelente capacidade de caçar raposas, lontras e texugos em montes de pedras.

Em 1913, a raça recebeu reconhecimento oficial pelo American Kennel Club.

Aparência

O monte de pedras é um cão pequeno com uma aparência áspera. As orelhas são pontiagudas e eretas. O pêlo parece áspero e grosseiro, mas não deve ser aparado. O monte de pedras pode ser de várias cores, incluindo creme, vermelho, tigrado, cinza claro ou até preto. A única cor que não é permitida é o branco.

Tamanho

O monte de pedras cai 9 a 10 polegadas no ombro e pesa cerca de 14 libras.

Personalidade

O monte de pedras é um tipo de cão áspero e caído. É um terrier de coração e sempre parece pronto para ir. A raça é ativa, curiosa e adora se meter nas coisas.

Relações familiares e familiares

O monte de pedras é um maravilhoso animal de estimação para a família e acompanha tudo o que as crianças querem fazer. A raça é ideal como um cão doméstico único ou com outros cães. O monte de pedras é pequeno o suficiente para um apartamento e certamente resistente o suficiente para morar em uma fazenda rural.

Treinamento

O monte de pedras é curioso e é um aprendiz rápido. Eles se dão bem com o treinamento de obediência, mas adoram roubar presas de seus covis.

Preocupações Especiais

Como um terrier, o monte de pedras tem uma tendência a cavar. Se não houver entretenimento adequado, podem surgir problemas de comportamento. O pêlo não é longo, mas a natureza grossa requer escovação diária para evitar tapetes e emaranhados.

Preocupações com a saúde

Em geral, o Cairn Terrier é um cão saudável, com poucas preocupações médicas. No entanto, as seguintes doenças ou distúrbios foram relatados:

  • A catarata causa uma perda da transparência normal da lente do olho. O problema pode ocorrer em um ou ambos os olhos e pode levar à cegueira.
  • A atopia é uma doença cutânea com comichão nos animais causada por uma alergia a substâncias presentes no ambiente.
  • A criptorquidia é uma condição na qual um ou ambos os testículos não descem para o escroto.
  • O diabetes é uma doença do pâncreas relacionada a quantidades insuficientes de produção de insulina.
  • O glaucoma é uma condição dolorosa e grave que causa aumento da pressão no olho. Pode levar à cegueira se não for tratada precocemente.
  • Luxação patelar é um distúrbio que afeta a rótula.
  • O desvio portossistêmico (PSS) é uma malformação do fluxo sanguíneo associado ao fígado. O sangue é desviado do fígado, resultando no acúmulo de toxinas no sangue e subsequente doença profunda.
  • A hérnia inguinal é uma condição na qual o conteúdo abdominal se projeta através do anel inguinal, localizado na dobra interna da perna traseira, próximo à "área da virilha" da parede do corpo.
  • Luxação da lente é um deslocamento ou deslocamento da lente dentro do olho.
  • A doença renal policística é doença renal progressiva, irreversível e hereditária, que pode resultar em insuficiência renal
  • A displasia renal é uma doença na qual o desenvolvimento do tecido renal é anormal e pode causar insuficiência renal.

    Vida útil

    O monte de pedras pode viver de 14 a 16 anos.

    Percebemos que cada cão é único e pode apresentar outras características. Este perfil fornece apenas informações sobre raças geralmente aceitas.


    Assista o vídeo: ABC Canino - Cairn Terrier - legendado português. (Novembro 2021).