Clínica de cuidado de animais domésticos

Cães de guarda - que raça devo receber?

Cães de guarda - que raça devo receber?

Para algumas pessoas, os cães não são apenas companheiros, mas também são usados ​​para proteger seus donos e a propriedade.

Cães de guarda não são os mesmos que cães de guarda e, se não forem socializados e treinados adequadamente, podem estar muito longe do animal de estimação comum que ama a família. Um cão de guarda é tipicamente um membro de uma raça que late quando estranhos se aproximam. Esses cães alertam seus donos para o perigo e ameaçam o estrangeiro, mas realmente não têm o tamanho ou a força necessária para cumprir suas ameaças verbais.

Cães de guarda, por outro lado, são fortes, grandes e imponentes; suas características naturais de proteção são aperfeiçoadas para proteger propriedades ou pessoas. Se provocados, alguns desses cães têm a capacidade de causar danos graves ao atacar. A maioria dos outros fará o possível para proteger sua família e seus bens, mas normalmente não os ataca.

Apesar de seus instintos protetores naturais, esses cães podem ser membros da família gentis e amorosos, se socializados e treinados cedo.

Para ver quais raças são bons cães de guarda, leia a história Top Watch Dogs.

As raças conhecidas pelas habilidades naturais de cães de guarda incluem:

Akita. Um dos cães nacionais do Japão, o akita é um cão digno e corajoso. Originalmente usado para caçar ursos e guardar propriedades, o akita também era usado na luta de cães. Hoje, o akita é mais um animal de estimação da família e um protetor natural.

Mastim napolitano. Este cão grande e enrugado é extremamente forte e bastante imponente. Com sua cabeça larga e sólida, apenas um olhar deste cão pode assustar qualquer potencial infrator.

Staffordshire terriers. Muitas vezes confundido com o pit bull, o Staffordshire terrier é um cão poderoso e intimidador, quando ele quer ser. Quando é apenas ele e sua família, ele é uma raça amorosa e descontraída.

Bouvier des Flandres. O Bouvier teve origem na Bélgica e foi originalmente usado para conduzir gado e puxar carroças. Um guardião natural, este cão é bom para crianças e tem o tamanho e a força para mantê-las em segurança.

Bullmastiff. Com uma história relativamente recente, o bullmastiff era um companheiro reverenciado do guarda-caça britânico. O tamanho grande e a aparência imponente deste cão assustaram muitos caçadores em potencial. Ainda considerado um excelente guardião, o bullmastiff é um cão gigante que pode pesar facilmente mais de 120 libras.

Shar Pei. Apesar de seu tamanho menor, o shar-pei pode ser um bom cão de guarda. Com um temperamento um tanto distante, esta raça é mais adequada para famílias com crianças mais velhas, mas protegerá todos os membros dessa família da melhor maneira possível.

Comida de comida. A comida é uma das raças mais facilmente reconhecidas. Popular por causa de seu casaco grosso e fofo, a comida é um ótimo cão de guarda. Sua aparência de ursinho de pelúcia é bastante enganadora. Este cão pode lançar um ataque impressionante se provocado.

Pinscher doberman. O Dobie de aparência régia é da Alemanha. Protetor natural, o Doberman é excelente em guarda e trabalho policial.

Schnauzer gigante. Ao contrário de seus parentes menores, o schnauzer gigante é um membro do grupo de trabalho. Historicamente usado para conduzir gado e guarda de gado, o schnauzer gigante hoje pode ser encontrado como cão policial, cão de guarda e companheiro fiel.

Dogue de Bordeaux. Tornado popular no filme “Turner and Hooch”, o Dogue de Bordeaux é um oponente formidável para qualquer estranho. Muito protetor, você não precisa se preocupar com sua propriedade se seu cão estiver em guarda.

Pastor da Anatólia. Recentemente aceito pelo AKC, o pastor da Anatólia tem uma intensa devoção e lealdade à sua família e rebanho. Considerado um dos melhores cães de guarda do mundo, esse cão está lentamente ganhando popularidade nos EUA.

Kuvasz. Semelhante aos Grandes Pirineus, o kuvasz é um grande cachorro branco usado para pastorear e proteger ovelhas. Originalmente do Tibete, esta raça é um guardião natural e prefere a vida ao ar livre, patrulhando seu território.

Mastim. Este cão imponente gigante pode ser bastante intimidante. Anteriormente usado em brigas de cães e como cão de tração, o mastim é um animal de estimação dedicado e fiel da família, disposto a fazer o que for necessário para manter sua família segura.

Presa Canario. O presa Canario é um membro da família dos mastins vindos das Ilhas Canárias. Um cão de guarda excelente e natural, esta raça precisa de uma mão forte e é considerada uma das raças de cães mais agressivas.

Fila Brasileiro. Também conhecido como mastim brasileiro, a fila Brasileiro é conhecida como um cão de guarda feroz. Embora seja uma raça rara, seu pêlo listrado e seus instintos protetores naturais levaram a raça a ganhar popularidade lentamente.

Grandes Pirineus. Um verdadeiro cão pastor, os Grandes Pirineus acompanharam muitos pastores de ovelhas e foram um patrimônio inestimável quando as ovelhas precisavam de proteção e direção. Um grande cão de guarda, os Pirinéus manterão sua casa e sua família em segurança.

Pastor alemão. Quase sempre no topo das listas de raças mais populares, o pastor alemão tem instintos naturais de guarda e proteção. Usada em todo o mundo como cão policial e guardião, esta raça provou seus instintos naturais de proteção repetidamente.

Dogo Argentino. Muitas vezes confundido com um pit bull branco, o dogo é um cão desenvolvido por dois irmãos na Argentina. Também conhecido como mastim argentino, este cão tem uma cabeça grande e poderosa e é muito protetor e leal.

Rhodesian ridgeback. O ridgeback da Rodésia é apenas um dos dois cães com uma crista natural nas costas. Desenvolvido na África, o ridgeback foi usado para caçar leão, provocando e atormentando, dando ao caçador a chance de se aproximar e matar o leão. Um cão de mente forte, o ridgeback prontamente se mantém firme e protege sua família e território.

Rottweiler. Apesar de sua reputação atual, o Rottweiler foi originalmente desenvolvido como um cão pastor. Seu tamanho e força rapidamente o levaram a uma vida mais produtiva como protetor e guardião.